Prefeitura de São Mateus - Norte do Espírito Santo


LIRA MATEENSE MANTÉM TRADIÇÃO E ABRIRÁ DESFILE CÍVICO EM SÃO MATEUS

05/09/2019

  • A centenária Lira Mateense, como já é tradição, abrirá o Desfile Cívico Escolar de São Mateus, no 7 de Setembro, levando todo o seu encanto e magia para a Avenida Jones dos Santos Neves, no Centro da Cidade. Em seguida descem o 7º Grupo de Escoteiros Agenor de Souza Lé e Forças de Segurança, seguidos de Centros de Educação Infantil Municipal (CEIMs), escolas, movimentos sociais organizados e grupos culturais. 
  • Um coro formado pelos estudantes da EMEF Ouro Negro, junto com professores de música e servidores da Secretaria Municipal de Educação, cantará o tema do desfile. Os pontos de concentração serão nas praças São Benedito e Matriz. 

  • “EDUCAR É CONECTAR
  • Realizado pela Prefeitura, este ano o desfile terá como tema “Educar é Conectar”. A proposta é que se faça a reflexão: nesse mundo tão conectado e tecnológico vivido nos tempos atuais, o que precisa realmente ser conectado? Esses e outros temas relacionados ao desfile foram abordados na reunião realizada entre a Comissão Organizadora e representantes de entidades para definir os últimos detalhes do momento cívico. 

  • “PRA VER A BANDA PASSAR, CANTANDO COISAS DE AMOR”
  • Este ano serão 11 bandas escolares abrilhantarão o Desfile de 7 de Setembro: EMEF Vereador Laurindo Samaritano, ECORM Maria Francisca Nunes Coutinho, EMEF Lilazina Gomes de Souza, EMEF Bom Sucesso, EMEF Dr. Arnóbio Alves de Holanda, EMEFTI Ayrton Senna, EMEF Vila Verde, EMEF Professor João Pinto Bandeira, EMEF Santa Terezinha, EMEF Dora Arnizaut Silvares e EMEF Guriri.Os ensaios acontecem duas vezes por semana e conta com sete maestros para o desenvolvimento do projeto. Os ensaios acontecem duas vezes por semana e conta com sete maestros para o desenvolvimento do projeto.

  • A LIRA
  • A Sociedade Musical Lira Mateense, um dos maiores orgulhos do Município, foi criada oficialmente em 21 de setembro de 1909 e originou-se de um movimento ocorrido no século XIX, com a Banda Aurora do Provir.  Nasceu em momento de descontração entre os trabalhadores do Porto de São Mateus, atual Sítio Histórico.
  • Na época, o Porto representava o lugar do comércio e do movimento financeiro da Cidade. Pessoas simples, após um dia de trabalho, reuniam-se para tocar seus instrumentos. Os navios que passavam pelo Porto traziam músicos que, com sua genialidade, contribuíram para formação desse grupo musical.  Alguns desses músicos permaneceram na cidade, construíram suas famílias e seus descendentes deram continuidade ao trabalho da arte musical que atravessou o século.



Lista de Fotos